Pular para o conteúdo
Voltar

Com a presença do secretário Alan Porto, CEE-MT realiza sua 20ª Sessão Plenária do ano

José Antonio de Castro Leite Nogueira | Cuiabá

Toninho Nogueira
A | A

O Conselho Estadual de Educação de Mato Grosso – CEE realizou, na última terça-feira, 04, na “Sala de Sessões Plenárias Padre Raimundo Conceição Pombo”, sua 20ª Sessão Plenária do ano de 2022. Na pauta da Ordem do Dia, além da Distribuição de Processos e apresentação de Relatórios pelos Conselheiros, constava uma palestra do Secretário de Estado de Educação, Alan Porto, sobre o “EducAção 10 Anos”, programa lançado pelo Governo de Mato Grosso para a melhoria dos indicadores da Educação no estado.

Demonstrando segurança e conhecimento a respeito do tema, Porto discorreu sobre o programa, concebido a partir de um termo de cooperação entre a SEDUC e o GRUPO GEMTE, que vai desde um diagnóstico sobre a educação do estado de Mato Grosso ao apontamento de caminhos e soluções para a melhoria do processo educacional.

No diagnóstico, segundo mencionou o secretário, foram ouvidos Pais, Diretores, Professores, Secretários Adjuntos, Superintendentes, Diretores Regionais e Especialistas da Educação, através da realização de mais de 1 mil entrevistas explorando perguntas que buscam identificar as principais questões que geram preocupações e eleger estratégicas relativas aos contextos interno e externo da SEDUC-MT.

O presidente do Conselho Estadual de Educação de Mato Grosso, Conselheiro Gelson Menegatti Filho, afirmou ver com otimismo as metas projetadas pela Secretaria de Estado de Educação através do programa. Segundo o gestor, o Conselho Estadual de Educação sempre foi parceiro de primeira hora da SEDUC em todas as ações que visem a melhoria da educação no estado. “E não será diferente agora. Estamos otimistas em relação ao programa e prontos a dar nossa contribuição para que as ações projetadas se traduzam efetivamente na melhoria de nossos indicadores”, afirmou Menegatti, que ainda elogiou o trabalho que vem sendo feito pelo secretário Alan Porto à frente da Educação em Mato Grosso. “É sempre alvissareiro receber o secretário Alan Porto em nossas plenárias e poder testemunhar seu entusiasmo, persistência, coragem e ousadia na gestão da Educação em nosso estado. Podemos afirmar que a Educação de Mato Grosso está em boas mãos”, emendou Menegatti, para quem a implementação do programa “EducAção 10 Anos” foi uma decisão acertada. “Mato Grosso precisava de uma política forte e duradoura para a Educação. E isso, agora, está se tornando uma realidade”, finalizou.

O secretário Alan Porto afirmou, durante a apresentação, que as metas do Programa “EducAção 10 Anos” visam colocar Mato Grosso, no prazo de cinco anos, entre os 10 estados com melhores índices educacionais no país. “Mas, iremos além. Nossa meta é estar, em 10 anos, entre os cinco melhores. Entretanto, para isso, precisamos seguir esse programa de maneira rigorosa”, vaticinou o secretário.

 

Em outro ponto de sua apresentação, o secretário destacou que, até o mês de setembro desse ano, o governo do estado investiu, através da SEDUC, mais de R$ 1 bilhão em ações na Educação. Porto ressaltou que o Programa “Alfabetiza MT”, uma ação que contemplou avaliações de fluência em leitura, avaliações diagnósticas, além de avaliações formativas e profissionais, também contribuiu para um novo direcionamento da Educação em Mato Grosso. O secretário ainda elogiou a atuação do Conselho Estadual de Educação, enalteceu a importância das parcerias que têm sido firmadas e destacou a liderança e o “pragmatismo” do presidente do Colegiado, Conselheiro Gelson Menegatti Filho.